Category: sociedade

E por que não MAIS independentismo, precisamente?
 Réstia de perguntas à esquerda “não independentista”

23 Xullo, 2016 (20:48) | economia, ideologia, política, sociedade |

     Por que não a independência da Galiza? Qual é o problema da autoorganização da “gente” a todos os níveis? Qual é o problema duma ordem jurídica, do grau de formalização que for, que permita formas económicas e sociais emancipatórias próprias (p. ex. usufruto em mão-comum, democracia de base, economias sustentáveis, anti-extrativismo, soberania energética…)?  Onde […]

O Trans e o Reint: Manifesto Reintrans

13 Maio, 2016 (22:59) | género, ideologia, língua, sociedade |

No Portal Galego da Língua “Nós, de verdade, unicamente temos a palavra. Só a palavra verdadeira pode traduzir a fecha e insondável soidade do nosso ser”. Manuel Maria, A luz ressuscitada      No pensamento normativo dominante, muitas reivindicações de direitos identitários ou sociais (os económicos decretam-se inexistentes) são construídas como veleidades, caprichos que só uma […]

Quem Possui a História?: 1300 Anos, 44 Gerações

3 Xuño, 2014 (22:58) | monarquia, política, sociedade, violência |

Dom Felipe Juan Pablo Alfonso de Todos los Santos de Borbón y Grecia (1): é filho de Sofía Margarita Biktoria Freideriki tis Elládas e de Juan Carlos I Alfonso de Borbón y Borbón (2), filho de María de las Mercedes Cristina de Borbón y Orleáns e de Juan Carlos de Borbón y Battenberg (3), filho […]

As decisões políticas e a morte das pessoas

28 Xullo, 2013 (23:08) | discurso, economia, política, sociedade |

No portal de EDiSo – Associação de Estudos sobre Discurso e Sociedade Os factos são cruéis, e provavelmente conhecidos. Mas, polo argumento a desenvolver, e com respeito, devem ser lembrados: Em 24 de julho de 2013, um trem rápido da RENFE (Red Nacional de Ferrocarriles Españoles) procedente de Ourense, na Galiza, descarrilou numa curva perto […]

Como Apostatar de NCG (uma crónica)

10 Outubro, 2011 (13:39) | economia, sociedade | 3 comments

Em Diário Liberdade ★ Em MundoGaliza ★ Em GalizaLivre Acabei de exercer o meu direito, reconhecido constitucionalmente, de deixar de pertencer à igreja NCG. Ainda sou membro de outras (bancos, companhias telefónicas, multinacionais informáticas, cárteis da desinformação), mas é difícil abandonar todas as fés abruptamente sem algumas recompensas. A minha apostasia, além, foi delegada, também […]

A intensa forma da vitória

27 Agosto, 2011 (00:36) | sociedade, violência | 3 comments

Em Diário Liberdade ★ Em MundoGaliza Deve ser assim, tal como o instruíam os maiores na nossa mocidade, quando se forma o primeiro pensamento político pola observação elementar da injustiça e da miséria. Deveu ser sempre assim e não o sabíamos, quando nos diziam: “És jovem. Está bem que lutes polos teus ideais enquanto tenhas […]

Galiza, coletivo de base

28 Maio, 2011 (16:30) | classe, economia, política, sociedade | 3 comments

Em Diário Liberdade ★ Em Portal Galego da Língua ★ Em MundoGaliza ★ Em Xornal Qual é a diferença, em termos da subjugação das vontades populares ao poder económico, militar e político, entre os coletivos de acampamentos nas cidades e essoutro coletivo que chamamos “as/os galegas/os”?  Em que medida é coerente ou taticamente útil pretender […]

O “bajón” das línguas

21 Febreiro, 2011 (19:01) | cultura, língua, literatura, mercado simbólico, mudança linguística, práticas de fala, sociedade | 1 comment

“Estaba yo en un pub [en Coruña] … Y de repente le digo [al chico]: ‘Ah, no sabía que eras el primo de Tal’. Y me dice: ‘Sim, sou o primo de Tal’. Y digo yo (‘¡Habla gallego!’). Y me dio un bajón…”. Marta López, concursante do Gran Hermano espanhol, 2011. Essa tarde fresca de […]

Um mês sem Vieiros

27 Agosto, 2010 (23:45) | cultura, sociedade |

Em MundoGaliza • No Xornal de Galicia Às vezes, na rotina dos dedos e da mente que repetem velhas ações, como se a vida nos levasse a nós e não o contrário, diante deste ecrã que me visita, clico com antecipação na frase inscrita no meu computador que conduz a Vieiros, a esses velhos vieiros […]

Nostalgia das vozes da costa que soavam estrangeiras

30 Abril, 1990 (00:00) | classe, língua, sociedade |

Publicado em A Nosa Terra Eu fum um meninho burguês, como se ainda existissem dous grandes bandos que se dividem o nosso escasso território. Conhecim a voz do galego através de gentes inevitavelmente subordinadas que aturavam a minha insolência de rapaz e cuidavam da minha curiosidade espanhol-falante. Para mim, o verão na casa da praia […]